Eleição para a FAMURS 2019

O TRABALHISMO E OS NOVOS DESAFIOS

 

Dezembro de 2000

 

Autor: Adão Eliseu de Carvalho

Do Movimento Autenticidade Trabalhista

 

O centro das idéias de Alberto Pasqualini sempre foi o Trabalho, como o princípio básico de organização da vida de cada indivíduo e do bem-estar da coletividade

Preconizava a reforma do sistema capitalista, por meio da transformação dos mecanismos da moeda e do crédito.

A reforma do capitalismo seria feita com a manutenção da propriedade privada, da iniciativa individual e da boa organização do crédito, possibilitando a criação de frentes de trabalho e do trabalho criador.

Como se pode observar, em nenhum momento do ideário do pensador trabalhista foi preconizado o lucro como única fonte de bem-estar social, mas, o trabalho com ênfase absoluta à pessoa humana e a vida.

Afirma, ainda, que o trabalho é o elemento criador e fonte de uma equilibrada previdência social, para melhor redistribuição da renda, forma regeneradora do capitalismo.

Antes, de socializar, dizia ele, precisamos pensar em criar o instrumental mais apto a servir a vocação criadora do indivíduo. Devemos pregar, doutrinar, aluir resistências conservadoras, conquistar trincheiras e adeptos, dar homogeneidade e rumo ao movimento renovador.

Somos uma civilização em um beco de poucas saídas. Uma delas, a nosso ver é o Trabalhismo. A concentração empresarial e capitalista agrava de forma mortal a já situação de miséria e violência em nosso país e no mundo.

A queda do bloco socialista foi acompanhada pela proscrição da análise globalizante e pela promoção do catecismo liberal, como comenta R. Schwarz.

O sistema capitalista segundo, R. Kurz, alcançou seu limite ... Pela primeira vez o aumento de produtividade está significando dispensa de trabalhadores ... Interessante! O capital começa a perder a faculdade de explorar trabalho. Depois, de lutar contra a exploração capitalista, os trabalhadores deverão se debater contra a falta dela ... Alberto Pasqualini já previa em sua época, esta situação, por isso, preconizava com força e vigor a reforma do capitalismo, transformando-o no capitalismo solidarista.

O trabalhismo poderá vir a ser a terceira via brasileira. Está deverá ser a  grande tarefa do PDT, revitalizar o Trabalhismo com base no trabalhismo antigo.