Eleição para a FAMURS 2019

BOS LOC 9427

Está tramitando, na Câmara Municipal de Porto Alegre, projeto de lei que concede a Comanda Porto do Sol ao Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana. A proposta, do vereador João Bosco (PDT), tem o objeto de homenagear o trabalho realizado pela instituição. 

Conforme a justificativa da proposta, o clube, inicialmente batizado como Grêmio Esportivo S.T.R, foi fundado em 1947 por sargentos radiotelegrafistas do Exército Brasileiro, com a finalidade de proporcionar momentos de lazer aos familiares. Anos depois, a Casa dos Sargentos do Rio Grande do Sul fundiu-se ao Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana, que atende militares das três Forças Armadas do Brasil, bem como associados civis. 

Ao longo do tempo, o Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana foi se tornando referência no estado. Com grandes obras realizadas, a instituição viabilizou uma infraestrutura que dispõe diversos espaços para seus associados, como a colônia de férias em Tramandaí, constituída em 1973, o camping às margens da Lagoa dos Patos. Ainda de acordo com o projeto, o clube fornece atividades esportivas e eventos sociais. Apesar de proporcionar várias modalidades esportivas, o clube precisa investir em melhorias no setor, conforme aponta o texto. 

Segundo o preponente, através da dedicação e empenho das diretorias durante os 70 anos do clube, foi construída uma história de comprometimento com seus associados. “Pelo exposto, e considerando que o Grêmio Sargento Expedicionário Geraldo Santana atende, atualmente, uma demanda crescente de pessoas, não só das três Forças Armadas do Brasil, como também os interessados sem nenhum tipo de vínculo militar, julgo-o merecedor de ser homenageado com a concessão da Comenda Porto do Sol”, destacou.

Texto: Munique Freitas (estagiária de jornalismo)
Edição: Helio Panzenahgen (reg. prof. 7154)